Um post acerca da temática mais presente no meu dia: andar com cara de peido/zombie/entupidinha da constipação vs ter que manter um ar aparentemente normal na rua/trabalho By Ana, Dona do Café

Jovem trabalhas que nem uma mula mas querias estar numa praia paradisíaca de papo para o ar? Só tu, uma caipirinha e um jovem musculado e jeitoso a abanar-te com uma folha de palmeira. Este post é para ti!

Tu, eu e 90% dos jovens entre os 24 e os 30 anos que trabalham, gostavam muito mais de estar na boa vida, mas não estão. Depois o trabalho fica ainda mais penoso quando ficamos com gripes, dores musculares e ressacas.

A nossa Ana está desgraçada com uma valente gripe, aparenta uma cara de peido/zombie/entupidinha, tem a voz e a respiração do darth vader e níveis preocupantes de ranho. Ana, não fiques “normal”, fica com cara de pessoa ainda mais doente finge que estas a ver fadas no ar, vai para casa e enfia-te na caminha a papar pipocas e series!

Deus nosso senhori inventou as “baixas” para isso mesmo! Pois!
Se não tiveres series, a tv portuguesa brinda-te com o programa da Júlia e com o Goucha!

3 comentários:

Nervos em frangalhos disse...

Ah pois é! É tossir em cima do chefe, sacar do lanço e fungar para lá uma valente ranhoca e depois mostrar o lenço ao chefe, assim como quem não quer a coisa, enquanto o dobra para o deixar no lixo do escritório dele. Depois, à saída, fingir uma leve tontura. Se isso não funcionar, só mudando de trabalho mesmo. Pela minha experiência a primeira hipótese não costuma ter grande taxa de sucesso. Normalmente merece um "Você está mesmo mal. Quer ir até lá dentro um bocadinho?" Tem cama lá dentro, não tem pois não?

S* disse...

Para ver o Goucha mais vale ir trabalhar.

marie disse...

Essa de ver fadas lembrou-me de um episódio muito cómico com uma amiga minha... Muito cómico mesmo! Ah ah ah ah ah ah ah...